Ao usar um conjunto todo da grife Carolina Herrera, Hailey Baldwin atraiu elogios ao ser chamada de princesa da noite no Met Gala, que ocorreu na última segunda-feira, 01, na cidade de Nova York com o tema Comme de Garcons. Ao conceder uma entrevista e fotos exclusivas para Vogue enquanto se aprontava para um dos maiores eventos do ano, Baldwin contou que o design de sua roupa demorou 2 meses para ficar pronto, e Herrera, que também participou da entrevista, disse que sua inspiração para a criação da roupa foi a coleção  “Sweeter Than Sweet”, de 95 da estilista japonesa Rei Kawakubo. Confira:

PHOTOSHOOTS > 2017 > Vogue Us – Met Gala

01-hailey-baldwin-bts-diary.jpg 02-hailey-baldwin-bts-diary.jpg 03-hailey-baldwin-bts-diary.jpg 04-hailey-baldwin-bts-diary.jpg 05-hailey-baldwin-bts-diary.jpg

O traje recomendado para o Met Gala de 2017 foi taxado de “avant-garde”, e participantes levaram essa orientação de diferentes formas. Para alguns audaciosos, isso significou Comme des Garçons da cabeça aos pés, enquanto outros foram no estilo edgy-metalizado ou vestidos “nus” risque.
Hailey Baldwin, por outro lado, escolheu um look melhor descrito como “bailarina futurista”: uma saia longa em camadas tule e corpete idealizado pela Carolina Herrera.
O desafio da designer era interpretar o espírito CDG para o jovial estilo e personalidade de Baldwin; a modelo é mais vezes vista em streetwear do que em vestidos de princesa. “Fazer design para o Met Gala é sempre legal, especialmente esse ano para Rei [Kawakubo] porque ela é modernista verdadeira,” Herrera contou para a Vogue. Eventualmente ela se inspirou na coleção Kawakubo’s Fall ’95 “Sweeter Than Sweet”, que protagonizou grandes saia tule em sugary pastels.
De acordo com Baldwin, o procedimento do design colaborativo levou em torno de 2 meses. “Não tinha muita coisa que eu queria mudar do esboço que Carolina enviou,” ela disse. “Eu nunca tinha usado um vestido de baile inchado antes, então eu sabia que eu queria fazer isso! E eu sempre amei fotos de moda antiga de atrizes como Audrey Hepburn e Grace Kelly, então eu queria experimentar essa vibe.”
O cabelo, maquiagem e acessórios de Baldwin foram assim: Ela optou por um coque clássico, delineado gatinho preto, e um véu inspiração-vintage por Gigi Burris. Para algumas it-girl, ela também adicionou um choker de diamante por Lorraine Schwartz.
Para o resto da noite de Baldwin, ela está com uma boa descrição extrema: “Meus momentos favoritos sempre acontecem depois do carpet,” ela disse com uma piscadela. Acima, um vislumbre por-trás-das-câmeras do seu procedimento pré-Met.